15.10.14

Intercâmbio: acomodação no centro da cidade ou numa região mais afastada?

Quando tomamos a decisão de realizar um intercâmbio, além de ter de decidir em qual tipo de acomodação vamos ficar, temos que decidir em qual bairro/área vamos ficar.
Pra quem ainda mora com os pais no Brasil esta pode ser uma dúvida frequente: vou morar no centro ou numa região mais afastada? Em que área da cidade o custo benefício é melhor?

Para isso, temos que pensar nos prós e nos contras de se morar numa região central e numa região mais afastada. Vamos lá:

Vantagens de se morar no centro

- Temos acesso a mais lojas e lugares. Logo, temos mais facilidade e tempo para chegar nos lugares durante a semana e no fim de semana também
- Pra voltar pra casa da balada não precisa pegar taxi
-  Geralmente moramos mais perto dos amigos (a não ser que os amigos morem num local mais afastado, mas geralmente não é assim)
- Se por acaso sentirmos fome lá pela meia noite e a geladeira estiver vazia temos acesso a mercados e outros estabelecimentos que ficam abertos a madrugada inteira
- Geralmente quem mora no centro caminha mais do que quem depende de ônibus ou trem (e consequentemente, emagrece um pouco)
- Não há necessidade de se gastar com transporte

Desvantagens de se morar no centro

- O aluguel geralmente é mais caro
- As casas são menores e mais apertadas
- Às vezes os barulhos à noite dos bêbados na rua pode irritar um bocado
- É mais difícil conversar com os nativos quando se vive numa região cheia de estrangeiros
- No centro, sempre paga-se estacionamento

Eu pessoalmente amo morar no centro, e criei esse conceito de "morar no centro é bem melhor" após as experiências que tive vivendo 2 anos no exterior.
No mais, o que realmente importa não é onde você vai morar, mas sim com quem. Por que como já citei neste blog, dividir casa com estranhos não é fácil.
Vejo vocês no próximo post.
Beijos



Nenhum comentário:

Postar um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...