8.3.13

Cuidado: as agências de intercambio estão desesperadas para vender cursos no exterior

Oi gente. Como vão vocês?
Hoje eu vou falar de algo que aconteceu comigo quando eu vi uma propaganda no facebook de uma agencia de intercambio com um sorteio para conseguir uma bolsa de curso de inglês na Irlanda (daqueles para curtir e compartilhar).
Não vou falar o nome da agência, mas assim, depois que eu curti e compartilhei o curso (só pra ver se eu tinha alguma sorte na minha vida, por que sou muito azarada) um individuo veio falar comigo. E olha o que essa pessoa me falou: "quase o triplo a menooosss do que o preço normal ..... e SE VC GANHAR a promoção, vc tem a opção de ter o dinheiro de volta ou ja garante o segundo ano em dublin".
migo, oferecendo um curso de inglês na Irlanda por R$ 3.800,00 (o que é caro, por que sei que existem cursos por 2.500 reais).
Mal sabe escrever, né? rs.
Daí eu pensei: ah, vou ignorar essa criatura aí né. Mas daí depois lembrei que seria interessante comentar sobre isso aqui no Martina nas Viagens, por que afinal muita gente sonha em ir para a Irlanda, Canada, Australia etc e mal sabe das mentiras que essas agencias de intercambio falam, só para vender uma porcaria de curso cheio de brasileiros.
Agora vejam parte da conversa que eu tive com essa pessoa:

Martina Domingues:
e não tem muito brasileiro na turma?
Agencia:
brasileiro sempre tem, mas a gente procura sempre intercalar a sala com brasileiros e estrangeiros né pra não ficar uma turma com mtos estrangeiros e outra só brasileiros
Martina Domingues:
e os preços de moradia?
Agencia:
moradia é muito em conta la..... nossa bem mais barato q aki (Tudo é maravilhoso na Irlanda, não? Então por que você está no Brasil pagando moradia mais cara? rs).   
Martina Domingues:
pra alugar um quarto de solteiro só pra mim quanto custa?
e não existe preconceito contra estrangeiros?
nunca aconteceu nenhum caso de preconceito?
que tipo de empregos tem aí?
Agencia:
Um quarto single é mais caro e eu não acho que compensa. vc já vai sozinha, é bom dividir o quarto, conhecer novas culturas, conversar. (Isso é verdade ok pessoal?)
nao tem preconceito nao. A irlanda é o país com maior aceitação em relação a intercambistas. (Tudo é maravilhoso na Irlanda, não?)
tem todos os tipos.... o que mais tem é variedade de empregos, inclusive pra quem chega e fala quase nada. (Ah, claro! Até por que não existe entrevista de emprego em inglês né?)
Martina Domingues:
será que eu posso conseguir um emprego legal tipo em uma loja ou de caixa?
Agencia:
claroooo (Puta que pariu, todo mundo sabe que emprego pra brasileiro na Irlanda ou é de babá ou de cleaner)
Martina Domingues:
e que escola é? como é a escola?
Agencia:
 a NED ... escola com valor em conta.. mas com qualidade..... considerada 5 estrelas (AHAHAHAHAHAHA)..... temos contato direto com ela e, ainda temos um representante da agencia dentrooo da escola... pra atender vcs.... (Escola 5 estrelas, essa é boa né?)
Martina Domingues:
parece ser de qualidade né
e quanto por mes se gasta com alimentação e eletrecidade na irlanda?
Agencia:
siimmm...cinco estrelas como te falei (HAHAHAHAHAH)
uma das mais procuradas e mais elogiadas que trabalhamos (aham, sei).
alimentação eu gastava uns 30 euros por mes..... com td... (a tá, se 2 bifes custam 5 euros, com 30 euros eu faço o rancho mesmo. Eu gastava +- 90 euros por mes com comida)!
e eletricidade vc soh paga a cada 2 meses uns 30 euros tbm a cada 2 meses
Martina Domingues:
e eu adoro neve, tem neve lá em dublin?
Agencia:
clarooo!  boa parte do inverno.. (Claro! Irlanda é que nem Estados Unidos, não? Só que nesse inverno não teve neve em Dublin por algum mistério, rs).


Então gente, se vocês vão fazer intercambio fiquem atentos e não se deixem levar por informações falsas, certo?
Pesquisem bastante (especialmente aqui no blog), falem com quem já morou lá, pesquisem mais um pouco ainda e depois fechem com a agência ou com a escola.
Até o proximo post.
Beijos


16 comentários:

  1. Muito bom este post Martina! É preciso ter imenso cuidado com estas coisas e é bom não acreditar em tudo o que estes vendedores nos dizem...

    ResponderExcluir
  2. Olá Martina!! Bem bacana o seu post, chega a ser ridículo o que essas agências usam pra enganar os pobres coitados dos estudantes. Eu estudei em Londres, e posso dizer que várias agências que vão pra lá, também fazem o mesmo tipo de coisa. Infelizmente as escolas mais baratas são as piores! Caso queira um curso TOP tem que pagar horrores!! Eles mentem com a cara mais deslavada e muitas pessoas caem nesse tipo de conversa. Fui na Irlanda só a passeio, não morei por lá, mas acredito que em Londres seja do mesmo jeito!! Um abraço

    ResponderExcluir
  3. Bem legal o post, bastante informativo, não se deve confiar em tudo que essas agências dizem rsr'
    bjus :*

    ResponderExcluir
  4. Muito importante seu post para alertar as pessoas!
    Eu já desconfiaria de uma agência onde o agenciador escreve dessa forma!
    Beijos

    www.bonecadebatom.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  5. Ola Martina Domingues: Então seu blog bem interssante , bastante coisa que vc comentou é verdade, só quero deixar registrado que não são todas as agências que tem este tipo de atitude, existe muitas agências serias, e não esquecendo vc falou de preço das escolas que tem o valor em média 2.500,00 reais não são a melhores . Mas gostei do seu comentario importante pesquisar antes....

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. INTERCAMBISTAS DECEPCIONADOS COM A AGÊNCIA BFA

    Venho aqui com muita tristeza informar a todos aqueles que pretendem fazer intercâmbio na Irlanda que ao escolherem sua agência de viagem pesquisem bem para não decidir errado como eu e outros brasileiros que conheci aqui até agora. Me chamo Júnior Figueiredo, sou de São Luís do Maranhão e nesse ano de 2013 resolvi fazer um intercâmbio para Dublin e escolhi como agência a empresa Brasil For All (BFA).
    Até o momento da venda do pacote tudo ocorreu com muita tranqüilidade, a BFA realizou um bom atendimento de venda, o que me deu segurança para escolhê-la como agência. Os problemas começaram aqui em Dublin. O mais grave e irresponsável deles foi que ao chegar no país simplesmente não havia ninguém da agência para me recepcionar, e no endereço que eles me forneceram as portas estavam fechadas e, sendo assim, acabou que eu fiquei sozinho, no meio da rua, com frio e com um monte de malas. Isso mesmo! O pesadelo de todo intercambista, que sem dominar o idioma e sem conhecer o país ou ter pelo menos um telefone para ligações (já que as operadoras do Brasil não funcionam aqui) fica sozinho no meio do nada.

    ResponderExcluir
  9. Tudo começou quanto optei por não contratar o transfer oferecido pela agência, já que o preço cobrado por eles chega a ser o triplo do valor que você pode pagar por um taxi. Minha passagem foi marcada para o dia 18 de março de 2013 com chegada prevista para a 10:35 da manhã, horário local. O vôo não atrasou nem um minuto e quando desembarquei no aeroporto imediatamente peguei um taxi para me levar ao endereço enviado, por email, pela agência.
    Ainda em São Luís, no dia da minha partida fui informado pela BFA que o dia 18 de março era feriado na Irlanda (Saint Patrick's Day), mas que não haveria problema nenhum já que uma pessoa iria ficar responsável por me receber na agência, assim como outras pessoas que também estavam chegando nesse dia. Nada disso aconteceu! O sonho tinha se tornado um pesadelo e nesse momento acordei para o erro que tinha cometido ao escolher a BFA como agência de intercâmbio. Até porque quem conhece a Irlanda sabe que o Saint Patrick's Day é a festa mais popular do país, como se fosse um carnaval brasileiro. As ruas estão lotadas de pessoas de todo o tipo e nacionalidades, e totalmente embriagadas, um perigo eminente.

    ResponderExcluir
  10. Pois bem, ao me ver nessa situação, sozinho, fiquei pelo menos uns 40 minutos sem saber o que fazer. Foi então que vi uma criança brincando com uma bola na rua, que estava completamente deserta. Pensei comigo mesmo que num ato de desespero o único jeito era tentar arriscar um inglês com aquele menino para que de alguma forma ele pudesse me auxiliar. Foi justamente nessa hora que Deus apareceu pra mim. A criança era brasileira! Imediatamente o menino ligou para seu pai, que veio em meu auxílio e levou-me para sua casa. Lá fui bem acolhido e graças a Deus ( e somente a Ele) saí daquela tragédia. Por coincidência o brasileiro conhecia um funcionário da BFA, que ligou para outra pessoa, que ai sim foram se lembrar que tinham um compromisso naquele horário com um aluno.

    ResponderExcluir
  11. Por isso me sinto na responsabilidade de compartilhar essa informação com todas as pessoas que estão pensando em vir para a Irlanda. Para que não aconteça com elas aquilo que aconteceu comigo e o que também vem acontecendo com outras pessoas que chegam aqui no país. Logo assim que tive contato com brasileiros que também compraram seus pacotes pela BFA relataram casos semelhantes ao meu. Só aqui na acomodação que estou tem três casos. Uma carioca me falou que o seu namorado, que chegou aqui por cerca de um mês atrás, ou seja sem ser no feriado, optou pelo transfer na ilusão que estaria mais seguro, mas segunda ela, ao desembargar o rapaz também se deparou com a triste situação de não ter ninguém esperando ele no saguão do aeroporto, como condizia com o pacote que ele havia comprado pela agência. Ele teve que acessar a internet no aeroporto e contactar com o agente vendedor para que eles entrassem em contato com a pessoa do transfer para ai sim poderem ir buscá-lo. Outra garota que também está hospedada aqui na acomodação provisória me contou que a mesma coisa também aconteceu com ela, que teve que entrar em contato com a mãe dela pela internet no Brasil, para que a mãe entrasse em contato com a BFA para informa que a filha dela já estava a mais de 40 minutos esquecida no aeroporto internacional de Dublin. Ou seja, só aqui onde estou todos os brasileiro que optaram pelo transfer ou não tiveram problemas com a BFA nesse sentido. Na verdade a única diferença deles pra mim, é que eu fui esquecido na rua e eles no aeroporto.

    ResponderExcluir
  12. Resolvi escrever esse texto expondo o sufoco que nós passamos aqui na Irlanda para que outras pessoas que passaram por algo semelhante também relatem o que aconteceu. Eu acho muito importante que a verdade seja dita abertamente para que intercambista não passem pelo mesmo tipo de situação que nós passamos. Todos esses casos que acabei de citar foram agenciados pela Brasil For All (BFA), por isso me achei no dever de contactar o proprietário da agência para pedir explicações sobre o porquê do descaso com seus agenciados, já que o que eles vendem é uma imagem completamente diferente da realidade. Nesse sentido me dirigi a agência para receber esclarecimentos do proprietário, mas recebi a informação que este não se encontrava no país mas que uma segunda pessoa da agência, conhecida como Bento iria me receber. Por sua vez, este apesar de se encontrar na agência, passou por mim e disse que estava muito cansado pra tratar do assunto comigo, pois tinha acabado de chegar de uma viagem e que eu deveria me dirigir a uma terceira pessoa conhecida por Daniel.
    Então, pedi explicações para o Daniel, informei a ele que era jornalista e que escreveria uma matéria a respeito do assunto e que gostaria de gravar a conversa. Ele se negou a tal, dizendo que não se sentiria confortável. Apenas tentou justificar o injustificável e disse que, no meu caso a culpa foi do funcionário que estava responsável pelo meu recebimento. Nos demais casos que acabei de citar ele simplesmente disse que não tinha conhecimento do assunto.

    ResponderExcluir
  13. Por isso meus amigos, pesquisem bem suas agências antes de vir para a Irlanda ou outro país qualquer. Certifique-se que esta empresa realmente cumpre o que promete, tome referência com amigos, amigos de amigos, ou coisa parecida. Por favor, não se iludam com propaganda enganosa para que o sonho de vocês não se torne um pesadelo devido a irresponsabilidade de agências que pensam muito mais no fluxo de alunos que podem agenciar de uma só vez e esquecem da qualidade e das garantias do produto que estão vendendo. Exijam deles como eles exigem de você, afinal no contrato que assinamos temos que “engolir” milhões de regras e eventuais multas se não cumprirmos isso ou aquilo que eles nos impõem, mas quando acontece deles não cumprirem a parte que os cabe estamos vulneráveis a sermos esquecidos, desrespeitados e humilhados num país que não é o nosso, e tudo fica por isso mesmo.
    Vou me despedindo de vocês com a certeza do dever cumprido de alertar àqueles que estejam interessados por informações a respeito dos produtos que tentam vender a nós quando o assunto é intercâmbio. O que posso deixar de conselho, além dos alertas, é que mesmo assim não desistam jamais da experiência de vivenciar outro país pois seja no Brasil, na Irlanda ou em qualquer parte do mundo: “´...Se Deus está com nós quem será contra nós ”! Muito obrigado pela atenção, espero estar ajudando outras pessoas a encontrar um caminho mais seguro e Boa Sorte a todos!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. se existe Deus, ele é brasileiro, e os anjos também! rere
      que situação complicada essa heim?
      agora já sabemos que a BFA é uma agencia ruim... vlw por avisar as pessoas aqui
      bjs

      Excluir
  14. Gente, eu acho bem legal ficar de olho aberto com as agências, porém não podem generalizar...Eu trabalho em um agência de intercâmbio, sou formada em Turismo e fiquei 3 meses em Dublin, ou seja, eu escolhi fazer o que faço e faço com amor, por isso sempre sou sincera quando vou vender um programa de intercâmbio. Como falei não podem generalizar, mas existem sim, pessoas que só pensam na comissão..o que é uma pena!

    ResponderExcluir
  15. Posta o nome da agencia... assim já evitamos quebrar a cara...

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...