7.8.12

Meus primeiros dias e meses em Dublin

 Esse blog é nada mais nada menos do que a minha historia de viagens pela Europa, com dicas, informações sobre a Irlanda e futuramente os paises que irei conhecer. Cheguei no dia 07/04/2012 nas ilhas Esmeraldas. Vim pela KLM, e a viagem foi muito emocionante. A primeira sensação que tive de Dublin foi mágica. A arquitetura, o estilo das pessoas, a variedade de nacionalidades, o Rio Liffey (que é um charme)... tudo muito diferente. Palavras não descrevem. Eu moro aqui a +- 4 meses, e a primeira coisa que percebi e que tenho que dizer a vocês (os que pretendem vir para morar) é: 
  1. Inglês minimo: intermediario. Por que Martina?! Por que existem muitos brasileiros aqui. Ta e daí? E daí é que ninguém vem até a Europa só pra conversar com brasileiros e fazer amizades só com eles. Venha para conversar com australianos, canadenses, americanos, e mais aquele povo que pode vir da Italia, Belgica, França... mas que consegue manter uma conversa em inglês. Outro motivo: você vai ter que pedir informação aqui no começo, vai ser obrigado a falar inglês, se não fica perdido! E emprego aqui, mesmo de faxineiro ou babá, só consegue quem sabe falar inglês e pelo menos tem o nível intermediario, pra poder ir a uma entrevista de emprego
  2. Desconfiem de todo mundo. Aqui tem muita gente louca (pirada mesmo), inclusive brasileiros, mas não são só brasileiros, é gente do mundo inteiro vindo pra cá pra trabalhar, estudar, e algumas pessoas não são de confiança. Até mesmo os Irlandeses não merecem a sua confiança (poucas pessoas merecem a sua confiança). Tem que ficar esperto. E estrangeiro sempre se fod*
  3. Estrangeiro sempre se fod*. Por que?! Porque sim. A gente vem pra cá e sofre preconceito (especialmente em momentos de crise na Europa), os Irlandeses muitas vezes não entendem a razão pra tantos brasileiros virem morar na Irlanda, às vezes eles sentem que o pais deles está sendo invadido. E de fato, está. Esteja preparado para o que vier! Assim como no Brasil, existe gente ignorante aqui. Muitas pessoas não passam por preconceito, mas eu passei, e outros brasileiros também. E cor da pele aqui não significa absolutamente NADA (pra quem pensa: aaah mas eu tenho pele clara e olhos azuis) rere
  4. Não se iludam! Aqui a carne é ruim e carissima, a maioria das escolas de inglês são 95% dos alunos brasileiros, o luas (transporte publico que é um trenzinho) é lerdo e caro, comer fora aqui nem pensar (os preços desaninam e as comidas são estranhas)! Muitas pessoas são rudes, ninguém sabe fazer festa de verdade como no Brasil, muitos irlandeses são viciados em drogas como cocaina, heroina... e o governo sustenta todo mundo... exceto os estrangeiros, of course
  5. Com 18 anos você... pode beber, fumar, fazer sexo, entrar em night clubs.... opa! Aqui a maioria das festas só entra com 21 anos. Exatamente. É uma coisa que não faz sentido nenhum pra mim. E tem mais: se os seguranças não forem com a sua cara,  se você chegar na balada "atrasado", tipo 1 da manhã ou se você tiver meio bêbado, eles simplesmente te barram sem explicação nenhuma. Para algumas pessoas eles pedem ID, pra outras não!  
  6. Pepinos. Pra quem não ta acostumado com pepinos no Brasil, aqui vai encontrar muitos. Evite pepinos trazendo bastante dinheiro e não frequentando a loja Penneys (meu sonho ter uma dessas no Brasil)!. Pra quem pensa que vai vir pra cá pra esquecer dos pepinos do Brasil, vai conseguir esquecer uma boa parte deles! Mas vai arranjar novos problemas, por que nada é perfeito, nem o tal de "primeiro mundo"... 

Essas são as minhas dicas principais. Dicas que todo mundo precisa saber, especialmente quem pensa em vir pra cá. Outra dica é que emprego aqui tá quase impossível, não importa se o seu inglês é bom ou não. O que existe aqui é trabalho que ninguém mais quer fazer (que é quase trabalho escravo) mas que pelo menos ganha muito bem (em comparação aos salários do Brasil). Acho que meninas conseguem emprego com menos dificuldade (como Au Pair), mas mesmo assim, a competição é muito grande!


“O homem não consegue descobrir novos oceanos se não tiver a coragem de perder de vista a costa.” 
(André Gide)




PS: Nas fotos são os canadenses que conheci no hostel.

7 comentários:

  1. As fotos estão muito boas, principalmente as fotos das paisagens, foi as que eu gostei mais. Se for possível vai postando aí mais paisagens para eu ir vendo :P
    Mas quanto aos preços das bebidas alcóolicas e cigarros que você falou lá em cima eu acho que acaba fazendo sentido porque os irlandeses ganham muito bem e para eles nem é assim tão caro e talvez até fique mais barato para eles a nível da percentagem do preço desses produtos dentro do salário deles do que os mesmos produtos comprados no Brasil com o salário brasileiro. Porque tal como você falou até só ter um filho dá direito a um salário mínimo, imagina então o salário médio desse povinho aí =P

    Mas no geral está tudo muito bom, gostei do blog
    Beijo ^^

    ResponderExcluir
  2. Ah, valeu!
    Então pra eles é de boa... mas a gente só se fod* KKKKKKKKKKKK

    ResponderExcluir
  3. Linda! Amei seu blog! Estou acompanhando... logo logo vou me f* por aí tb e as dicas que vc está dando são muito boas!! Valeu!!!! Escreve mais! bjuu ;-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. brgada Samantha! cada dia venho aqui escrever um pouquinho mais.. fico mt feliz em saber que voce está adorando! bjs

      Excluir
  4. Gostei do seu blog colega.É bacana saber como é a vida dos brasileiros em outras culturas.Eu moro no Japão,mas é um caso diferente.;)

    ResponderExcluir
  5. OLA MARTINA
    QUANTO TEMPO VOCE PASSOU NA IRLANDA? VOCETEM DUPLA CIDADANIA?
    QUAL A SUA COMPARAÇÃO ENTRE A VIDA EM GERAL NA IRLANDA E NO BRASIL?
    VOCE CONHECEU OUTROS PAISES ? E SUAS COMPARAÇÕES COM O BRASIL? ENTENDO PELO QUE LI QUE VOCE FEZ ESSA POSTAGEM COM APENAS 4 MESES NA IRLANDA. HOJE,QUAL O SEU COMENTARIO? ABRAÇOS ANDRE

    ResponderExcluir
  6. Você escreveu DICAS ou PONTOS NEGATIVOS? porque só vi o que vi foi pontos negativos.. aff.

    ResponderExcluir

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...